set 5, 2017
Tamy

O bazar voltou!

Ele voltou! O bazar com looks que passaram pelo blog está no ar e tem peças a partir de R$15, parcelamento no cartão e muitas raridades.

O endereço é o mesmo de sempre derepentebazar.iluria.com 

Parte da renda vai para ajudar os animais de rua que resgato, esse ano foram 7 gatinhas e agora estou com um cãozinho que precisou de cuidados especiais. Isso custa caro e como estamos em crise, nada melhor que fazer a energia rodar e ainda ajudar os bichinhos né?!

Olha o que você encontra por lá.

jul 17, 2017
Tamy

Look do dia: casaco de pelúcia

Não sou fã do inverno, mas já que temos que passar por isso, que seja divertido! E minha grande diversão nos dias frios são os casacos de pelúcia. Eles são super quentes, glamourosos e deixam qualquer produção com uma cara fashion. Quem foi pega de surpresa pelo frio pode aproveitar as liquidações de inverno que estão cheias desses casacos maravilhosos. Depois é só misturar com sua produção favorita de outono e curtir o frio!

• Casaco Nastygal
• Camiseta Liverpool
• Calça Luigi Bertolli customizada
• Bracelete Kafé usado como choker
• Brincos Renner
• Bota Ceconello

jul 6, 2017
Tamy

10 dicas para começar a correr

Em junho completei minha primeira meia-maratona. Foram 21km que pareciam tão distantes quando – há cerca de um ano – comecei a correr os primeiros metros. Aos poucos fui conquistando os 3, os 5, os 10, os 15 e quando percebi os 21 quilômetros chegaram.

Lá em janeiro eu e a Pati Pontaldi (de As Patrícias) trocamos algumas figurinhas e – iniciantes, mas esforçadas – decidimos correr juntas a Maratona de Porto Alegre, que acontece em junho. Até então as duas estavam na média de 8 a 10 km por treino. E não é que conseguimos?!

Se você também tem vontade de correr por aí superando os próprios desafios, confira algumas dicas para chegar lá:

1. Consulte um profissional

Não é uma boa ideia calçar um tênis e sair correndo. Converse primeiro com um treinador, um fisioterapeuta ou um médico. Se for necessário eles indicarão especialistas que irão ajudar a conquistar seus primeiros quilômetros. Isso irá evitar dores e até lesões mais graves que podem te deixar mais longe do seu objetivo. Eles também vão ajudar a escolher um tênis adequado que não custe um rim.

2. Respeite seu corpo

Comece com caminhadas, sem esquecer de alongar antes e depois do exercício. Evite horários de muito calor ou frio. Conquiste a flexibilidade e o fôlego aos poucos, sem forçar o corpo e perder dias em casa tomando medicamento para dor.

3. Use a tecnologia a seu favor

Aplicativos como o Runkeeper e o Runastic monitoram seus exercícios, dão trajetos, estatísticas e são excelentes companheiros para quem, como eu, corre sozinha.
No site do Runkeeper é possível definir uma meta e buscar treinos personalizados para cada objetivo: seja perder peso, começar a correr ou concluir uma corrida. Depois de selecionar o treino do dia, o app sinaliza como você deve correr, qual o ritmo e quando deve mudar a velocidade. É excelente e gratuito!

4. Receba recompensas

Ainda no terreno da tecnologia, um app chamado Heartbit é um grande estímulo para se exercitar com chuva ou nos dias frios. Ele converte seu treino em pontos Multiplus e ao acumular uma quantidade mínima você pode trocar por produtos e até por passagens aéreas. O bacana é que ele oferece mais pontos a quem está há mais tempo mantendo uma rotina de exercícios a cada dois dias, então, para não quebrar o ritmo (e os pontos) eu me animo a sair até nas férias!

5. Beba água

Sem água não há rendimento, principalmente em um país quente como o nosso. Procure se hidratar antes, depois e se o treino for longo, durante a corrida. Há pochetes (cintos de hidratação) e até mochilas com pequenas garrafinhas de água para quem corre na rua.
Beber água durante o dia também ajuda o metabolismo a funcionar melhor. Se você não é muito disciplinada nesse aspecto, o app iDrinkWater pode ajudar.

6. Capriche na trilha sonora

A música certa pode ser aliada nos treinos, encontre aquela que ajuda a manter a concentração e o ânimo. Montar uma playlist para corridas evita caçar músicas durante o treino, o que pode distrair e atrasar a corrida. Eu gosto das com o compasso parecido com o meu ritmo de corrida. Quem tem o privilégio de se exercitar longe do barulho pode curtir a natureza 🙂
Mas atenção: cuidado com fones de ouvido que isolam os sons externos, principalmente ao correr nas ruas. Sempre olhe para os dois lados antes de atravessar a rua ou ciclovia e quando for mudar de direção, sinalize ou verifique se não irá cruzar o caminho de alguém.

7. Compartilhe suas metas

Procure alguém com a mesma meta que você ou divida o seu objetivo com uma pessoa que te anime. Só não vale desistir se a outra pessoa se cansar ou perder o foco.

8. Medite

Por essa você não esperava, né!? Meditar ajuda no autoconhecimento, no foco e é o primeiro passo para grandes conquistas. Há muitas formas de meditar e até oficinas/cursos com técnicas. Não se preocupe em ficar 1 hora sentada em postura de lótus sem pensamentos em mente, meditar é um exercício e como tal deve começar aos poucos, respeitando a mente e o corpo.
A meditação ajuda a administrar a ansiedade, a frustração, o medo e outros sentimentos que atrapalham a corrida. Correr não é tão difícil, depois do corpo se habituar, a maior barreira é a mente.

9. Crie uma rotina

Se você deixar para se exercitar “quando der”, provavelmente não vai encontrar tempo para encaixar o treino na sua agenda. Estabeleça dias e horários, isso ajudará a trabalhar a disciplina e afastar as desculpas que costumamos encontrar quando decidimos mudar um hábito.

10. Sai pra lá!

Quando você contar por aí que está pensando em correr, vai escutar comentários sobre lesões, gente que viciou e perdeu o namorado (oi?), que o corpo não foi feito pra isso e um monte de outras bobagens. É impressionante como quando você resolve mudar um hábito, as pessoas passam a se preocupar com a sua saúde e opinar sobre o que é ou não bom para você. Ignore. Afinal, você conversou com profissionais e – se eles te liberaram para o exercício – você está pronta!

Boa sorte e bons treinos!
Metas são sonhos com data para acontecer.

jul 4, 2017
Tamy

Novo velho cabelo

Não é novidade que costumo mudar os cabelos com frequência. Depois de uma temporada de 6 meses com cabelo rosa e uns bons 6 anos sem ver a cor natural dos fios, decidi dar um descanso, cortar e adotar o velho pixie que eu tanto amo.

Cabelos coloridos são legais, mas aos 34 anos encontrei vários brancos e percebi que essa pode ser a última oportunidade de ter os cabelos no tom natural, curtir o brilho do cabelo sem química e poder mergulhar em quantas praias e piscinas quiser sem me preocupar se a cor está indo embora ou os fios derretendo. Acho que vai ser divertido e desafiador, não sei quanto tempo vou durar com meu “original de fábrica”, mas estou feliz e satisfeita por agora. 🙂

Look do dia:
• Casaco Farm
• Blusa Zara
• Calça Riccieri
• Brincos Renner
• Sapato Zara

jun 7, 2017
Tamy

Gatinhas para adoção

Em um certo domingo de outubro de 2016, eu dormia tranquilamente quando escutei um barulhão de algo caindo do forro do quarto, seguido de um grito que não consegui identificar. Até então, achava que estava lidando com gambás que se esconderam no forro e pensava em como capturá-los para levar a um lugar mais apropriado. Achei que o gambá tinha se machucado e como iria fazer para ajudar.

Mais tarde, quando fui trocar de roupa, encontrei um micro-gatinho escondido em um canto do closet e entendi. O grito tinha sido a mãe-gata preocupada com o bebê que caiu em território desconhecido. Devolvi o bebê e tentei capturar toda a família que vivia no forro, mas a gata levou os bebês embora e fiquei sem notícias.

Meses mais tarde, reencontrei o bebê que caiu do forro em uma casa abandonada próxima da minha. Descobri que era uma menina e que agora tinha 5 gatinhos. Até hoje chamo ela de Trevosinha, porque a gata era muito feroz, agora é linda e querida.

A Trevosinha teve 4 meninas e 1 menino, mas já está grávida de novo. Sua mãe (que agora chamo de avó) teve cria novamente e está escondendo em algum lugar. Se você fizer as contas, mesmo que seja de humanas como eu, rapidamente perceberá que logo teremos dezenas de gatos famintos e doentes. Passando frio, dificuldades e maus tratos. 🙁

Isso me assustou e decidi capturar as bebês para doação. Duas já foram, uma está aguardando o retorno da adotante, mas ainda restam duas que estão na minha casa aguardando um novo lar.

Infelizmente não tenho como fornecer todos os cuidados que elas precisariam como castração e vacinas, já que além dessas 7 gatas, ainda tenho meus 3 cães e em breve terei mais bebês para encaminhar. Por isso peço a ajuda de vocês para divulgar e encontrar lares quentinhos e felizes para essas duas adolescentes, que ainda são um pouco assustadas por não ter muito contato humano, mas que tem muito amor para dar.

Essa nós apelidamos de Fifi, ela é acessível e adora brincar.

Essa é a Mimi, mais tímida e cheia de brincadeiras muito engraçadas.

Se você mora em Porto Alegre  e quer uma nova amiga, entre em contato aqui ou pelo e-mail derepentetamy@gmail.com ou divulgue para seus amigos que procuram uma gatinha para encher de amor.

Páginas:1234567...547»

publicidade

Histórico de posts