jul 28, 2016
Tamy

Grécia: a cidade medieval em Rodes

Se você gostava de História (ou curtia a coleção Vagalume) na época de escola, já deve ter lido algo a respeito das 7 Maravilhas do Mundo Antigo. A lista traz, em sua maioria, construções que já não existem, mas visitando alguns lugares possamos imaginar sua grandiosidade na época.

Uma delas era o Colosso de Rodes, uma estátua de bronze que de 30 metros de altura construída em homenagem ao deus Hélio (deus sol na mitologia grega) em 280 a.C. A imagem era tão imensa que os navios passavam embaixo dela para entrar no porto. Um terremoto derrubou a estátua e seus pedaços foram vendidos ao Oriente como sucata.

Ainda na mitologia, Rode era uma ninfa, filha de Poseidon e Afrodite. Após o dilúvio que inundou o local, o deus Hélio teria se apaixonado por ela, fazendo com que a água secasse e a ilha reaparecesse.

Rodes fica no Dodecaneso e está entre as maiores ilhas da Grécia e já foi tomada por muitos povos: gregos, turcos, romanos e cristãos de Jerusalém. Cada um deles deixou um pouquinho de sua cultura, o que resultou em um lugar fascinante e cheio de histórias fantásticas.

A cidade medieval de Rodes é Patrimônio Mundial pela UNESCO e embora ainda seja habitada, mantém muito de suas características originais.

Lá, cachorros passeiam de moto e a água das fontes (ali atrás dos banquinhos) é potável. Depois de descobrir isso, parei de gastar 2 euros em cada garrafinha de água. 😛

Rodes fica bem pertinho da Turquia e muitos sírios estão fazendo a travessia em pequenos botes infláveis. Mesmo assim, poucos são vistos em locais turísticos.

As montanhas ao fundo ficam na Turquia e um dos pés do Colosso se localizava próximo àquela bandeira. A cidade medieval é protegida por um muro construído em pedra com 12 metros de largura.

Nas calçadas, dentro das lojas, casas e restaurantes, o piso é feito com um mosaico de seixos. O local tem mesquitas, igrejas, fontes e até um palácio! Se você vai visitar Rodes, recomendo guardar um dia só para isso.

A parte próxima ao porto é super movimentada, já os portões que ficam do outro lado guardam uma Rodes tranquila onde a mamãe gata pode dormir com o filhote no meio da rua. Os moradores são simpáticos e adoram puxar papo, inclusive aqueles que não falam inglês 😛

Se você quiser experimentar como é a vida em uma cidade medieval, pode se hospedar nos hostels que ficam dentro da muralha. Esse – cheio de verde – é um deles. Pelos locais que visitei, posso garantir que mesmo com um calor de mais de 40ºC, os ambientes internos são frescos.

Em 1309, a ilha foi vendida à Ordem de Malta e se tornou um ponto estratégico para peregrinos e para quem partia para as Cruzadas. Nessa época a cidade foi modernizada, mas as construções originais foram mantidas. Rodes ganhou um palácio que se tornou um museu e abriga muitas peças que datam de 400 a.C.

O mais bacana é que as lojas vendem reproduções das peças do museu, quem adora decoração (eu, eu, eu!) pode levar um pedacinho de história para casa.

Comprei um vaso com Afrodite <3 e falando nela, tem um templo dedicado à deusa logo na entrada da cidade. Olha ele aí! A deusa me favoreceu e mandou um ventinho para embelezar a foto.

O texto está imenso, eu sei! Mas se você chegou até aqui e tem acompanhado os posts sobre a Grécia, deve estar tão curiosa quanto eu fiquei com a grande quantidade de gatos por lá.

Perguntei a respeito para alguns moradores e eles explicaram que a região mediterrânea tem muitas serpentes e escorpiões, a simples presença dos felinos já espanta boa parte desses animais, mas quando eles insistem, são caçados e levados como presente para algum humano.

Os gregos gostam tanto de gatos que ao caminhar é preciso tomar cuidado para não tropeçar nos potinhos com água e comida. que estão por toda parte, inclusive dentro das lojas.

Finalizo com meu look, com o quimono que costurei para minha mãe e acabei roubando durante a viagem. Algumas leitoras perguntaram sobre meus looks de viagem, interessa um post sobre isso?

Look 031/2016:

• Vestido Forever 21
• Quimono que eu fiz 🙂
• Óculos Moon da Quem te viu Quem te vê
• Alpargata Satinato / Renner

14 Comments

  • Oi Tamy, adorando os posts sobre a Grécia, as fotos estão lindas. Acho interessante você fazer um post explicando como pensa cada mala de viagem, vejo sempre que há uma grande “coerência” entre o que você veste e o local escolhido.

    Beijos

    • Vou fazer sim 🙂 eu penso bastante no que vou levar! Mesmo assim minhas malas são bem leves e funcionais.
      Acho que pode ajudar quem gosta de viajar a ter looks bonitos em lugares maravilhosos <3

      • Um post sobre malas é aguardado!! Cada foto impecável! E, realmente, há uma coerência incrível entre seus looks e os lugares por onde passa. Beijos! 🙂

  • Oi Tamy. Adoro seu blog, e seus posts de viagem.
    Eu fico pensando como que você faz pra se comunicar nesses países que tem uma lingua especifica que não seja o inglês. É muito complicado?
    Bjus

    • Olá Anie! Já passei por alguns países com alfabetos e idiomas bem distintos do que a gente usa e – em geral – há uma boa comunicação em inglês. Em alguns lugares, como o Camboja, o sotaque é bem carregado e se torna difícil entender algumas coisas, mas depois de alguns dias escutando, acostumo.

      Sempre procuro andar com o celular carregado e tenho um app que traduz idiomas relativamente bem, basta baixar o idioma que precisa. Em caso de emergência, dou o celular e peço para a pessoa digitar. Mas só precisei fazer isso uma vez, na Turquia. Nos outros lugares só o inglês já é suficiente 🙂

      Na Grécia minha maior dificuldade foi ler, pois as placas são em grego. Penei por alguns dias e acabei aprendendo um pouco, suficiente para saber onde estava 😛

  • Adoro seus posts de viagens, faz tempo que não consigo fazer uma viagem legal por falta de tempo ($$$$$). Vou me casar no final do ano e estamos guardando dinheiro, né. Masss pelo menos tem a parte da lua de mel, estamos vendo o que cabe no bolso. Eu queria muuuito ir pro México (vc vai pra lá, né sua danada?!) mas acho que vamos acabar indo pro Chile (que é legal também).
    E sim, super queremos post com looks da viagem! Pode parecer bobeira, mas é legal ter umas ideias pra passear estilosinha.
    Beijosss

    • Rê quando você sai de lua-de-mel? Tem passagens bem baratas para o México, pouca coisa a mais que para o Chile. A diferença é que o Chile é caro (ando pesquisando para conhecer o Atacama) e no México as coisas são bem mais em conta. Se você conseguir uma boa promoção, pode sair por preços bem parecidos 😉 pense nisso!

      Vou fazer um post ou um vídeo falando da mala de viagem 🙂

      • A lua de mel vai ser em janeiro! Vou dar uma pesquisada! Brigada pelo toque 😉

  • Tamy, parabéns pelo post. Lindo!

  • Que lugar lindo!
    Amei!
    Amei saber sobre os gatinhos!
    Beijos!

  • Tamy,adoro acompanhar suas viagem. 🙂
    Me fala qual Câmara você esta usando pra tirar belas fotos Heheheh
    Bjoooo

    • Olá Patrícia!

      Estou usando uma Sony Alpha RII com lentes Canon 🙂 estou bem feliz com ela, é leve, pequena e a qualidade é incrível <3

      Bjss

      • Obrigada Tamy. 😀

  • Boa tarde Tamy faz sim um post sobre os looks de viagem,por países que tu já passou,acho super interessante
    BeijOcas. 🙂

publicidade

Histórico de posts