Browsing articles in "Review"
jun 11, 2015
Tamy

Review: Pó matificante labial Marina Smith

Sou fã dos produtos da Marina Smith. Poderia listar um montão de motivos para amar a Marina: ela é um amor de pessoa, é gremista, faz makes incríveis, e bota etc aqui. Mas eu curto os produtos porque eles são bons! Os batons estão entre os meus favoritos. Além disso ela tem algumas inovações com preços acessíveis que são ótimas.

Há algumas semanas eu recebi o Pó Matificante Labial Marina Smith, um pó para aplicar sobre o batom cremoso e transformar o acabamento em matte/fosco. Embora eu ame batons foscos, estou fazendo tratamento com Roacutan (conto tudo aqui) e como os lábios ressecam muito, demorei a ter condições de testar. Por isso peço para que relevem as condições da minha pele, ok?

O Pó Matificante vem em um estojinho com quatro cores que podem ser usadas sobre qualquer cor de batom. Elas tem um pouco de pigmento, então podem mudar a cor do que está embaixo. Isso é muito bacana, pois aumenta as possibilidades de uso do que você já tem em casa. As cores são: nude, rosa, vermelho e vinho.

A Marina criou o pó para ser usado com a linha de batons. Ela fez um vídeo mostrando como ficam as cores. 

Eu testei com batons de diferentes acabamentos, do líquido ao cremoso. E agora mostro para vocês.

O nude é versátil pois é quase transparente, então é possível combinar com muitas tonalidades de batom.

Esse é o rosa. Na minha opinião ele poderia ser menos pink, assim daria para usar com rosas clarinhos. Problema que pode ser resolvido facilmente misturando o pink com o nude usando um pincel.

O vinho foi meu favorito. Ele é o mais pigmentado da paleta e pode ser usado sobre várias cores. Testei com o uva da Trendy Twins e ficou uma cor super bonita. <3

Essa mistura me rendeu uma melecaaaaaaa 😛 . Passei o batom líquido da Natura com o pó matificante vermelho. O resultado ficou interessante e aumentou muito a durabilidade do batom. O problema é que eu apliquei com os dedos e não deu muito certo. Aprendi a lição: quando for usar com batom líquido devo usar um pincel.

Gostei muito do Pó Matificante, ele aumenta as possibilidades e a durabilidade do batom. É ótimo para quem gosta de acabamento fosco.

Nessa minha fase roacuteira, não consegui testar muito pois tenho que ficar passando balm o tempo todo. Mas no dia em que usei, funcionou super bem.

A embalagem é prática para carregar na bolsa, mas senti falta de um aplicador. Nos batons claros dá para aplicar com os dedos, mas nos grudentos e/ou escuros fica uma meleca. 😛

O Pó Matificante Marina Smith está disponível na Sephora e custa R$69. 

 

maio 19, 2015
Tamy

Review: minha experiência com o coletor menstrual

coletor menstrual

Todo mês é a mesma história: cólicas, vontade de comer doces e lá vem ela, a famigerada menstruação. Gostando ou não temos que lidar com isso.

Mas o “jeito” de se lidar com a questão sempre me incomodou e nos últimos tempos estava me deixando bem preocupada. Vocês já pararam para pensar na quantidade de plástico e resíduos que os absorventes descartáveis deixam para trás? Eu já. E isso me incomodava bastante.

Foi quando resolvi pesquisar sobre os tais coletores menstruais, que nada mais são que copinhos reutilizáveis de silicone ou de TPE que coletam a menstruação ao invés de absorver.

 

Estudando o assunto descobri que de fato eu precisava de um coletor. Em um mês, uma mulher usa em média 20 absorventes, somando 240 ao final de um ano, 2.400 em 10 anos e pode chegar a 96 mil durante a vida.

Deixo as contas dos gastos e do impacto ambiental a critério de cada uma. Mas vocês podem imaginar que não é pouca coisa.

Escolhendo o coletor menstrual

Enquanto escolhia o coletor, descobri que existem várias marcas, mas o custo médio é de R$ 90. Parece caro, mas se ele for higienizado direitinho poderá ser usado por até 10 anos e você não vai mais passar pelo sufoco de precisar de absorventes e não encontrar.

Existem modelos para as n9vinhas e para as mulheres maduras. Você pode escolher a cor (tem até com glitter!) e o modelo do “puxador”.

Os copinhos são fabricados em silicone ou em TPE – mesmo material usado em implantes e cateteres médicos – ,eles evitam a proliferação de bactérias e fungos.

Acabei escolhendo a marca alemã Me Luna, que além da opção de tamanhos, também tem várias formas de puxador, desde a haste até o anel e a bola. Como li que algumas mulheres se incomodavam com a haste escolhi o de bola.

O tamanho depende da sua idade e fluxo, até quem é virgem pode usar (mas precisa ir ao médico antes). No meu caso foi o M e escolhi um material mais macio que eles chamam de soft.

Como funciona o coletor menstrual?

Para usar, basta dobrar o coletor e inserir como um absorvente interno. Ele se abre dentro do canal vaginal e se ajusta até formar um vácuo que impede vazamentos. Pode ser usado por até 12 horas e para retirar é só apertar a base para quebrar o vácuo e puxar pelo cabo. Depois é só lavar e inserir novamente.

Quem – como eu – já usa absorventes internos, não vai ter dificuldade com o coletor. Pelo contrário, ele é mais confortável e é realmente imperceptível. Quem é acostumada com os tradicionais pode passar por um período de adaptação.

Quando o período menstrual acaba, é só ferver o coletor ou higienizar com água oxigenada ou bicarbonato de sódio. Ele também pode ser fervido no microondas. Durante o uso lavei com sabonete íntimo e água, isso foi suficiente.

Alguns sites vendem panelinhas esmaltadas para a fervura, mas você pode usar recipientes de vidro (no microondas) ou panelas de cerâmica/esmaltadas. O ideal é reservar um recipiente só para isso.

Minha experiência:

coletor menstrual

• Comprei o meu no site Me Luna e demorou em torno de 1 mês para chegar (demorou porque veio da Alemanha);

• Consegui colocar sem problemas desde o primeiro uso e passei o período inteiro usando apenas o coletor. Foi a melhor menstruação de que tenho lembrança, quase esqueci que estava “naqueles dias“;

• Fiquei preocupada com a prática de esportes, mas ele se comportou muito bem durante a corrida, o RPG, a musculação e naquela pedalada amiga;

• Ele não deixa cheiro algum, achei muito mais higiênico que os absorventes;

• Foi muito legal ver a quantidade de fluxo, pois com os absorventes fica tudo espalhado e parece o fim do mundo, mas na verdade é bem pouquinho!

• É 1 milhão de vezes melhor que absorvente interno, que absorve não só o fluxo, mas toda a umidade natural do corpo. O coletor menstrual é bem mais confortável;

• Não vaza! Você leva um tempo para pegar os “paranauê” da coisa toda, mas assim que pega o jeito o negócio é mágico. Dá pra sair de calça branca sem medo de ser feliz 🙂

Prós e contras:

Eu poderia fazer uma lista imensa de prós, mas só o fato de não estar jogando um montão de plástico no lixo comum já me deixa imensamente satisfeita. Além disso ele é confortável, higiênico e muito prático!

Basicamente ele tem 3 contras:

1. Algumas pessoas irão achar nojento e etc. Mas quem decide usar coletor certamente já superou esse tipo de opinião;

2. O preço é um pouco salgado, custa em média 90 reais no Brasil. Valor que é gasto em cerca de 6 meses comprando absorventes. (mas um coletor menstrual dura até 15 anos)

3. Depois que você compra e se acostuma a usar se sente um pouco boba de ter demorado tanto para começar <3

Para finalizar

Sei que esse assunto é um pouco polêmico e essa é a minha opinião de usuária sobre o assunto. Quem tiver dúvidas pode deixar nos comentários que eu irei responder dentro da minha experiência e se vocês quiserem posso fazer um vídeo contando mais e mostrando meu coletor 🙂

Informações sobre saúde e como ele funcionaria para você dependem de uma consulta com seu médico. 

Mais informações e onde comprar:

No Facebook tem um grupo muito bacana e cheio de informações chamado Coletores Brasil

Você pode comprar em farmácias (mas poucas tem) ou online nos sites abaixo. Nesse link você encontra vendedores perto de você 🙂 e aqui tem um listão de marcas.

InCiclo
Lunette
LadyCup
Me Luna (esse é o meu 🙂 )

Se quiser ler mais sobre o assunto, aqui tem alguns artigos científicos.

fev 5, 2015
Tamy

Review: Preep + Prime Lip da MAC

preep + prime lip

Quando fiz curso de automaquiagem na MAC (tem post sobre ele aqui), aprendi que um dos passos mais importantes era a preparação da pele. Pra isso eles usam hidratantes, primers e tudo mais. Tudo aquilo que a gente costuma ignorar e partir logo para o “ataque” hihihi

Um dos itens que me apresentaram foi o Preep + Prime Lip, um primer de boca que ajuda a suavizar as linhas e preparar os lábios para receber o batom. De acordo com a maquiadora, ele aumenta a durabilidade e a aparência, principalmente em batons matte.

No final do ano passado eu ganhei o produto e passei a usar com mais frequência. Antes eu o considerava uma frescura, agora acho super útil.

Vamos ver na prática (perdão pela boca, mas é o que a casa oferece).

preep + prime lip mac

Tenho os lábios bem ressecados por problemas respiratórios. A situação é tão triste que as fotos acima são de um dia ótimo, em que dormi usando Carmex. ¬¬ Quem tem lábios assim sabe que o efeito do batom matte não é tão legal.

Normalmente eu aplico o Preep + Prime Lip quando começo a me maquiar, assim ele pode agir por alguns minutos. Durante a aplicação ele parece um balm comum, mas logo depois ele deixa de ser “lisinho” para ficar mais grudento. Quando isso acontece, é hora de passar o batom. A ótima notícia é que ele ajuda os batons mais sequinhos a deslizarem melhor e eles ficam mais confortáveis. Até o Ruby Woo fica mais agradável com o produto.

A durabilidade do batom aumenta bastante com o produto e a cor se mantém uniforme por mais tempo, sem aquele efeito “contorno de drag queen” que os batons escuros proporcionam (quando o batom sai no centro e fica só no contorno da boca). E como é possível ver nas fotos, as linhas e a pele seca melhoram muito de aparência.

Apesar do preço salgado (custa R$66 na Sephora e lojas MAC), considero o Preep + Prime Lip um bom investimento para quem tem lábios ressecados e gosta de batons matte.

jan 30, 2015
Tamy

Review: creme demaquilante com óleo de argan Marina Smith

No post sobre a emulsão demaquilante Marina Smith , reclamei que nunca tinha encontrado algo capaz de remover a máscara da Illegal Lenght da Maybelline. Foi quando a Tati Cardoso comentou que o creme demaquilante com óleo de argan poderia resolver meu problema.

Aí me dei conta que eu tinha o tal Creme Demaquilante em algum lugar. Usei uma poucas vezes e parei porque eu andava com uma alergia nos olhos e o creme irritava um pouco.

A alergia passou e decidi seguir a dica da Tati, vamos ver se funcionou?

O esquema é o mesmo do outro post sobre demaquilante. Os produtos escolhidos foram os mais difícil de tirar que encontrei:

1. Batom Ruby Woo da MAC
2. Batom Candy Yum Yum da MAC
3. Base Kryolan
4. Máscara Illegal Length Maybelline (resenha aqui)
5. Delineador Liner Clubbing Bourjois (resenha aqui)

A embalagem indica que devo aplicar uma pequena quantidade e massagear, inclusive nos cílios.

Para fins “científicos”, apliquei uma grande quantidade, senão não teria esse efeito dramático nas imagens. 😛

Apliquei, massageei, melequei e tcharãããããããm. O creme é destruidor mesmo! Tirou quase toda a máscara em uma aplicação só.

A essa altura você – leitora amiga – deve estar se perguntando: “e nós cílios? será que funciona?”. Claro que eu testei e funcionou lindamente, porém ainda irritou um poucos os olhos.

É um prato cheio para quem ama produtos à prova d’água, a embalagem tem 30g e o cheiro é ok, nem perfumado nem fedido.

Você encontra o  Creme demaquilante com óleo de argan Marina Smith na Sephora com frete grátis e o preço é R$30.

dez 5, 2014
Tamy

Como é a Forever 21 Porto Alegre

Forever 21 Porto Alegre De Repente Tamy

Na noite da última quinta-feira 04/12 a Forever 21 inaugurou sua primeira loja em Porto Alegre – 7ª no Brasil – no BarraShoppingSul. Houve uma pré-venda para convidados e eu fui conferir para contar um pouquinho para vocês.

Quer saber se as roupas valem a pena? Se tem muita fila? Se o preço é realmente baixo?
Então vem comigo que eu conto tudo!

Forever 21 Porto Alegre Tamy

O que tem lá?

Vamos começar com os produtos. Apesar do nome, na Forever 21 Porto Alegre tem roupas para mulheres com mais de 21 anos. Há calças sociais, blazers, camisas e outras peças que podem atender a necessidade de quem precisa de roupas para o trabalho. Mas é claro que as peças mais moderninhas são maioria, muitos cropped tops, saias curtinhas, shorts e vestidos.

Na linha jeans, jardineiras e macacões de vários modelos, calças de muitos estilos, alturas de cós e lavagens. Jaquetas anos 90 ou outras mais justinhas. Tudo custando no máximo RR120.

Quem gosta do estilo retrô vai fazer a festa, tem muitos cardigãs, saias, jeans, casaquinhos e camisas com cara de vovó-usaria-isso. As meninas românticas que gostam do estilo lady like encontrarão muitos vestinhos rodados e muita renda.

Basicamente a loja está dividida em: moderninhos na entrada, sociaizinhos à direita, jeans e básicos ao fundo e retrôs à esquerda. Apesar da loja ter 1500 m² e ter roupas literalmente até o teto (tem que pedir para o vendedor tirar), a variedade não é tão imensa quanto aparenta. Várias peças se repetem em diferentes seções.

Os acessórios são ok, nada de encher os olhos e enlouquecer. São bem parecidos com os que você encontrará nas concorrentes. Custam entre R$10 e R$50 e não parecem duráveis.

Há um espaço reservado apenas para lingeries, as peças são engraçadinhas, mas a variedade não é muito grande e o preço não é tão atrativo quanto se esperaria. As lingeries custam praticamente o mesmo da Renner, C&A e Marisa.

forever 21 porto alegre lingerie tamy

forever 21 porto alegre masculino tamy

Os rapazes também tem espaço na Forever 21 Porto Alegre que oferece jeans, moletons, camisetas e camisas. Em média as calças custam R$79 e as camisetas R$25. O que eu mais gostei na parte masculina foram as camisas estampadas por R$69.

O interessante é que o verão nem chegou por aqui, mas a loja já tem coleção de outono nas araras. Muito gorro, cachecol e tricô, tanto masculino quanto feminino. A boa notícia para quem ama meia-calça é que eles tem MUITAS meias bacanas e coloridas.

E os preços? Vale a pena?

Vou resumir em uma frase: algumas coisas sim, outras não. Depende da sua disposição para garimpar.

Vamos falar de custo x benefício porque é assim que eu avalio as peças.

Grande parte das roupas são de materiais sintéticos, o que as torna baratas e ao mesmo tempo muito quentes. Porém encontrei algumas peças em algodão que em geral custavam 10 ou 15 reais a mais que o mesmo modelo em poliéster.

O acabamento é razoável para a quantidade de peças e para os preços. As costuras são direitinhas. Porém alguns vestidos e saias são transparentes e sem forro (fuém). Em geral a qualidade das peças é um pouco superior às fast fashion com preços parecidos (mas só um pouco, ok?).

A marca tem preços realmente baratos como vocês podem ver. Jeans a partir de R$39,90 e regatas por R$10,90. As saias custam em média R$59, as blusinhas R$39, vestidos e macacões R$109. Não encontrei nenhuma roupa por mais de R$150.

Prós e contras

Pontos positivos:

• A numeração é bem variada, vai do PP (33/34) ao 52. Meninas plus size irão encontrar roupas por lá;
• Há algumas peças de algodão e o preço é razoável;
• As roupas realmente são diferentes das que encontramos nas outras lojas, ótimo para quem fica desejando os looks das gringas;
• Já tem peças de frio, bom para quem vai viajar e precisa de roupas;
• Os vendedores e caixas são muito atenciosos e pacientes;
• A variedade de peças para diferentes estilos é bem grande. De acordo com os vendedores, o estoque está preparado para a comoção que a loja causa nas consumidoras.

Pontos negativos:

• Poucos provadores e o limite de peças é 6 por pessoa. Se você tem 7, prova 6 e vai para o final da fila. O resultado disso são pessoas provando roupas no meio da loja. Ah e o provador masculino é junto com o feminino;
Filas infinitas/eternas. A pré-venda era apenas para convidados e mesmo assim eu esperei 20 minutos no provador e – – – wait for it – – – UMA HORA E TRINTA MINUTOS para pagar;
• Tem roupa até o teto e você tem que pedir ajuda para pegar as peças;
• Uma boa parte das roupas que encontrei lá estão no chinesinho (principalmente no Sheinside), tem até o cheiro característico;
• Encontrar peças que valem a pena exige talento e paciência. O risco de se arrepender da compra é grande, então é preciso avaliar muito cada peça, senão você terá que enfrentar uma fila eterna para fazer a troca;
• Parcelamento em até 3x, não é exatamente um ponto negativo, mas achei interessante pontuar isso.

Minhas compras

forever 21 porto alegre

Como falei antes, eu fui conhecer a loja porque seria uma pré-venda para convidados, então pensei que teria uma quantidade aceitável de pessoas. Mas a certa altura eles abriram para o público e a muvuca começou. Não me acho especial ou algo assim, mas eu não estava disposta nem preparada para ficar 1h30 na fila do caixa, se soubesse disso não teria ido.

Porém já estava lá e já tinha encontrado um jeans que vestiu muito bem. Maldito jeans que me custou horas de tortura na fila! Valeu a pena porque faz tempo que vocês escutam meu mimimi de estar com dificuldades para encontrar calças, então me apeguei ao danadinho. Ele é todo rasgado e custou R$109. Também comprei uma blusa listradinha porque eu amo listradinhos 😛

Inauguração da loja

A inauguração oficial está marcada para este sábado 06/12 a partir das 10h da manhã. As primeiras 500 pessoas da fila irão ganhar um brinde, que nas outras lojas foi uma sacola de pano e um chinelo personalizado. Em SP a fila começou por volta das 5h da manhã o.O

Enfim, se você gosta de emoção, filas e precisa de roupas novas, prepare seu banquinho, muitos lanches, a bateria extra do celular e o fone de ouvido. A loja Forever 21 Porto Alegre do BarraShopping Sul abre amanhã.

Dicona pra vida:

A caixa me contou que a loja estará aberta nesta sexta. Quer evitar filas? Vá hoje!

Páginas:«123»

publicidade

Histórico de posts